Fundamentalista

Esse recurso está disponível para todos os assinantes do GuiaInvest PRO Light, Standard, Premium e Cliente Platinum.

Esse checklist contém 11 critérios de análise de uma ação. O Checklist busca alertar o investidor para os indicadores que garantem que você esteja investindo em ações de boas empresas a preços atraentes. Assim, quanto mais critérios forem atendidos, mais atraente tenderá a ser a empresa analisada. Vale ressaltar que rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura.

Critério 1: O Valor de Mercado é maior que R$ 500 milhões?
Companhias com pequeno valor de mercado podem estar sujeitas a adversidades acima do normal, quanto a questões financeiras, econômicas, politicas e sociais. Por outro lado, empresas com grande valor de mercado podem apresentar maior capacidade de superação em momentos de adversidade.

Critério 2: Possui algum nível de Governança Corporativa?
As boas práticas de governança corporativa têm a finalidade de aumentar a transparência e a qualidade na divulgação de informações aos acionistas. O mercado avalia que os investidores estarão dispostos a pagar mais pelas ações de empresas que demonstrem respeito aos direitos dos acionistas e que adotem boas práticas de governança

Critério 3: A Liquidez Corrente é maior que 1,5x?
Ativo circulante dividido pelo passivo circulante. Este índice indica quanto a empresa tem a receber no curto prazo em relação a cada unidade monetária que deve no mesmo período. Quanto maior a liquidez corrente, mais alta se apresenta a capacidade da empresa em financiar suas necessidades de capital de giro.

Critério 4: O Retorno sobre o Patrimônio Líquido (ROE) é maior que 20%?
Relação entre o lucro líquido dos últimos 12 meses e o patrimônio líquido. Ele mostra a rentabilidade que a empresa está gerando sobre o seu próprio patrimônio. Em outras palavras, sobre o capital próprio.

Critério 5: A relação Dívida Bruta / Patrimônio Líquido é menor que 50%?
Dívida bruta total (soma de empréstimos, financiamentos e debêntures de curto e longo prazo) dividido pelo patrimônio líquido. Quanto maior, mais risco a empresa está correndo.

Critério 6: Possui Crescimento dos Lucros acima de 5% a.a (últimos 5 anos)?
A capacidade da companhia apresentar crescimento dos lucros demonstra que a administração e a estratégia de mercado estão, ambas, convergindo para o sucesso do empreendimento, o que fica evidenciado na taxa ascendente dos lucros divulgados.

Critério 7: Possui Lucros Constantes nos últimos 5 anos?
A capacidade da companhia apresentar estabilidade de lucros ou pelo menos algum lucro em determinado período, demonstra que o interesse da gestão está convergindo para o evolução do empreendimento, dadas as condições micro e macroeconômicas do período, o que fica evidenciado na estabilidade dos lucros divulgados.

Critério 8: Distribuiu Dividendos nos últimos 5 anos?
Pagamentos ininterruptos de dividendos, ao longo de determinado período, demonstra, neste quesito, que os interesses dos acionistas estão sendo atendidos de acordo com a legislação vigente. Cabe lembrar que empresas que apresentam regularidade de pagamento de dividendos são mais procuradas pelos investidores.

Critério 9: A relação Preço / Valor Patrimonial (P/VPA) é menor que 2x?
Compara o valor de mercado da empresa com seu valor contábil. Em tese, quanto mais baixo este índice, mais barata é a empresa.

Critério 10: A relação Preço / Lucro (P/L) é menor que 15x?
Relação entre o valor de mercado da empresa dividido pelo lucro dos últimos 12 meses. O índice P/L indica o número de anos que um investidor levaria para recuperar o capital investido. Em tese, quanto menor esta relação, mais barata está a empresa.

Critério 11: O Volume Médio Diário (21d) é maior que R$ 1 milhão?
Representa o volume médio negociado nos últimos 21 pregões. Quando maior este volume, maior a liquidez da ação, o que equivale a dizer que essa ação é mais negociada que outra com volume médio inferior. Quanto maior a liquidez, melhor para o investidor.

GuiaInvest PRO Light – Versão 3.0

Na coluna da esquerda localize FERRAMENTAS, na lista que abre a direita da coluna, desça até localizar CHECKLIST e clique em FUNDAMENTALISTA.

Irá mostrar uma ação padrão da plataforma ou a última empresa pesquisada. 

Para pesquisar uma nova ação, vá na coluna lateral e clique em BUSCAR. No campo de pesquisa, digite o nome da empresa ou o Ticker (código) da ação desejada. Na imagem abaixo estamos buscando Itau. No resultado clique na ação desejada.

E para começar a pesquisar por uma lista de boa empresas, use o item PESQUISA DE AÇÕES.

Filtre pelos critérios que atendem a sua estratégia de investimento. Do resultado desses filtros, olhe o Checklist fundamentalista dessas ações.

GuiaInvest PRO Standard, Premium e Clientes Platinum – Versão 2.0.

No menu superior localize ANALISE, na lista que abre abaixo, desça até localizar CHECKLIST e clique em FUNDAMENTALISTA.

Para pesquisar uma nova ação, vá no menu superior localize o campo PESQUISAR. Digite o nome da empresa ou Ticker (código) da ação desejada. Na imagem abaixo estamos buscando Itau. No resultado clique na ação desejada.

Clicamos no Ticker(ITSA4). A plataforma redireciona para o Checklist de dividendos da ação selecionada.

Na plataforma, no resultado da pesquisa da ação, role o cursos do mouse para ver os critérios detalhadamente.

E para começar a pesquisar por uma lista de boa empresas, use o item PESQUISA DE AÇÕES.

Filtre pelos critérios que atendem a sua estratégia de investimento. Do resultado desses filtros, olhe o Checklist fundamentalista dessas ações.


Se você ficar com alguma dúvida, entre em contato conosco!

 

Open chat
Posso ajudar?